Toledo, sexta-feira, 1º de julho de 2022 ESCOLHA SUA CIDADE

Policial

03/05/2022 | Concebido por Goioerê

Polícia Civil do Paraná capacita servidores e entrega armas de choque

Polícia Civil do Paraná capacita servidores e entrega armas de choque

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) capacitou uma turma de 22 policiais civis para a utilização de armas de choque, na quinta-feira (28), na Escola Superior de Polícia Civil (ESPC), em Curitiba. Durante o evento ainda foram entregues 29 armas, que permitem a modernização das técnicas utilizadas.  

O objetivo do curso é repassar aos servidores as práticas de manuseio e legalidades sobre o armamento. A utilização dessas armas permite minimizar as ações letais na área da segurança. 

O Delegado-Geral da PCPR, Silvio Jacob Rockembach, conta que a aquisição das pistolas de choque tem como objetivo melhorar as condições do trabalho dos policiais.  

“Representa um profissionalismo na área policial, pois nem sempre se faz necessário o uso efetivo de arma de fogo, e com essas pistolas de choque você consegue prestar um serviço com mais qualidade. Para o policial, se torna uma forma de aperfeiçoamento do trabalho, que vai dar a eles maior segurança e tranquilidade no desempenho das suas funções”, completa. 

O diretor da ESPC e delegado da PCPR, Rafael Vianna, comenta que as aulas contaram com um planejamento técnico e um plano de ensino com abordagens práticas e teóricas. 

“A Escola Superior padronizou um plano de aulas para que efetivamente todos os policiais que irão utilizar esta arma possam saber como utilizar legalmente, em que casos poderão utilizar e sobre o manuseio do armamento”, completa.  

O uso da arma de choque ainda permite que os policiais civis diminuam o uso da força para conter uma pessoa durante as ocorrências.  

Para a investigadora, Caroline Marinho, o curso foi extremamente interessante para saber como utilizar a arma em casos que seja necessário. “Esta capacitação traz uma segurança para o nosso trabalho e também para a população em geral”, completa.  

ENTREGA- Ao todo foram entregues 25 armas aos alunos e quatro para a ESPC. A arma de choque da Spark é um dispositivo eletrônico incapacitante, capaz de paralisar o indivíduo através de choque elétrico com descarga de 6,8 mil volts. 

O instrutor do curso e policial civil, Afonso Ferreira, explica que o armamento é considerado menos letal. “Quanto mais armas menos letais, equipamentos e tecnologias a polícia utilizar, menos ações letais com armas de fogo teremos que fazer, visando minimizar a força policial a ser utilizada”, afirma Ferreira. 

O intuito é levar a capacitação para outros servidores das demais unidades da instituição. O planejamento é feito através do Departamento da Polícia Civil, assim como os policiais indicados para participar do curso.

 

PUBLICIDADE

Fonte: GOIOERÊ | CIDADE PORTAL | POLÍCIA CIVIL DO PARANÁ

OPINE!

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. © 2017. Todos direitos reservados. Jornalista Responsável - Jairo Tomazelli - 11632/PR - Welinton Tomazelli 11636/PR

Desenvolvido por Cidade Portal